O que o Ayrton Senna me ensinou sobre a crise

Por Fernando Campanholo

Se você acompanhou a carreira do grande Ayrton Senna, você sabe que ele corria muito bem na chuva. Era uma grande vantagem dele em relação aos outros corredores, que ficavam de cabelo em pé quando chovia no dia da corrida.

Mas, por que isso acontecia? Dizem que uma vez, quando ele estava andando de kart, ele perdeu porque estava chovendo. Aí ele decidiu ficar muito bom nisso. Então, toda vez que chovia, ele pegava seu kart e ia lá treinar na chuva.

Mesmo quando já estava na Fórmula 1, ele não desperdiçava sequer um dia de chuva. Ia lá e treinava.

Estou te contando isso porque no nosso cenário econômico atual as coisas mudaram e a chuva veio…

No meu ponto de vista, a pior coisa a ser feita é agir como os concorrentes do Ayrton Senna, que simplesmente deixavam de andar na chuva.

Sabe por quê? Simplesmente porque a chuva passou a ser a maior vantagem competitiva de Ayrton Senna. Porque ele não teve medo dela, na verdade, a usou como aliada.

O que estou falando é que a crise (vamos dizer, quando a chuva começou), não quer dizer que seja ruim para você, necessariamente. Para o Senna, por exemplo, era bom.

Não quer dizer que o Senna não corria bem com tempo bom, na verdade também corria muito bem. Mas, quando chovia, ele não parava. Ele não deixava de dar o seu melhor, fazer a melhor corrida que podia.

O interessante é isso. Se você se força a correr na chuva, você vai entender como sua empresa tende a reagir em piso escorregadio e temperatura diferente. E vai estar preparada.

Aí, toda vez que estiver chovendo (ou que vier uma crise), você vai conseguir se adaptar, até emocionalmente, para ter bons resultados. Não vai se afetar por ser diferente, pois já vai estar preparado.

A questão é você pegar o carro na chuva e usar isso para aprender a dirigir nessas condições e pode te dar resultados ainda melhores.

Eu não me canso de ver pessoas que pegaram o carro, saíram na chuva e não só sobreviveram, como ainda cresceram.

Foi o caso do Fernando, que criou uma estratégia para sua empresa relacionada a ações junto aos seus clientes e em vez de parar de vender, aumentou seu faturamento em 20%.

E sabe por que ele conseguiu esse resultado? Porque ele não parou de pensar em estratégias. Ele não poderia mandar a equipe visitar clientes, pois estava proibido pelo governo. Ele tinha duas escolhas: guardar o carro ou correr na chuva. Ele escolheu correr na chuva e fez diferente, usou o marketing a seu favor. Agora ele, junto com sua equipe, já possuem uma nova habilidade e, mesmo que a crise passe, ele vai continuar utilizando isso.

E como eu posso te ajudar a criar uma habilidade nova? Todas as quintas-feiras às 20h temos uma aula gratuita no projeto Q20. Essa aula é transmitida pelo nosso canal do YouTube. Mas só aparecem nessa aula os empresários que não têm medo de se molhar, que estão dispostos a dirigir na chuva e aprender uma habilidade nova, uma estratégia nova, um ponto de vista novo. E, depois que vêem o novo, não conseguem mais desver, sabe por quê? Simplesmente porque dá resultados e conseguem usar em suas empresas.

Existe também uma segunda forma, muito eficiente para aprender a “andar na chuva”. Já pensou se você tivesse alguém como o Ayrton Senna para te ensinar a andar na chuva? E se ele te ensinasse o momento de frear e depois acelerar, antes de entrar na curva, sem derrapar e sem perder velocidade? E se ele pudesse te passar toda a experiência dele? Pois é, trazendo para sua empresa, nossa habilidade de “andar na chuva” é te passar nossa experiência para que você pare de apagar incêndio, organize seus processos e tenha uma empresa lucrativa. 

Já fizemos isso acontecer tantas vezes… Vou deixar a fala de alguns alunos nossos logo abaixo, porque nosso maior retorno é ver os resultados, esses empresários trabalhando menos e suas empresas rendendo mais. Sabe o que nos motivou a fazer isso? Nós mesmos, porque passamos muito tempo de nossas vidas, eu e a Cris, trabalhando muito, apagando incêndio, sem mesmo termos uma vida fora do trabalho. Não era para ser assim. Mas conseguimos resolver, entendemos o processo, criamos um método e, por nós, não terá sequer mais um empresário passando por isso nesse Brasil a fora.

Mas, o que é e como ensinamos o nosso método, para que pudéssemos trabalhar menos e nossa empresa render mais e também funcionou para tantos empresários? Vamos explicar tudo no evento Movimento Empreendedor Líder, que vai acontecer dia 10/06 às 20h. É uma quarta-feira. Vou deixar o link abaixo para você se inscrever, caso ainda não tenha feito. Pode passar o link para o seu amigo, que você sabe que também precisa disso. Esse evento é só para inscritos!

Clique no link abaixo para se inscrever no Movimento Empreendedor Líder:
Quero me inscrever no evento

Eu sei que “andar na chuva”, ou melhor, você trabalhar menos e sua empresa render mais é simples, mas não é fácil. É simples porque não tem nada de tecnológico ou mirabolante nisso. Não é fácil, porque tem muita coisa para dar errado, mas com as técnicas, estratégias, conhecimento e passo a passo certeiro, testado e comprovado, se torna fácil.

Por isso eu quero muito que você esteja comigo e com a Cris no Movimento do Empreendedor Líder. Faz parte de nosso propósito de vida te tirar essa dor e você ter o direito de parar de apagar incêndio, organizar seus processos e ter uma empresa lucrativa. Sem firula, de maneira simples, prática e que funciona.

Te espero lá!

Um abraço e Viva Positivamente!

Fernando Campanholo

PS: No dia do evento Movimento Empreendedor Líder, vamos abrir vagas para a nova turma on-line do curso Empreendedor Líder.

Veja o que é um empresário parar de apagar incêndio, trabalhar menos e lucrar mais:

Márcia Mello: https://youtu.be/mqVM1Fyg2OA

Ivanete Fagundes: https://youtu.be/55Z7eF-_nz8

Juarez Dalacort: https://youtu.be/9Dh-pxPclHg

Roberto Fernandes: https://youtu.be/_MqbEZrwGS4


Aqui fica o conteúdo do Post...Aceita HTML, portanto você pode montar o conteúdo do jeito que quiser!!!

#htmlPersonalizado#